A ADunicamp repudia veementemente a demissão do funcionário Sidney Alex da Silva, pertencente aos quadros da FUNCAMP.

Sidney foi o funcionário que falou em nome dos terceirizados na histórica Assembleia Universitária do dia 15 de outubro, reivindicando a não demissão de cerca de 330 funcionários terceirizados, que pode ocorrer nas próximas semanas.

Sidney é uma voz contra estas demissões e a ADunicamp requer a imediata anulação de seu desligamento.